Hospital Otorrino

Entre em contato conosco: (65) 2128-8000

Resultados dos Exames

Digite o usuário e senha.

Especialidades

Alergia Respiratória

Alergia Respiratória

A alergia respiratória, por ser tão comum, é algo que muitas pessoas sofrem ou conhecem algum parente ou amigo que tenha esse tipo de doença.

As reações alérgicas em geral são causadas por substâncias às quais as pessoas alérgicas se tornaram sensibilizadas (alergenos). Muitas pessoas podem ser alérgicas a alergenos contidos no ar respirado e, nesse caso, se fala em alergia respiratória. Alguns desses alergenos podem causar doenças respiratórias diretamente ou exacerbar condições previamente existentes em pessoas susceptíveis, como as crianças e os idosos. As alergias respiratórias mais comuns são a rinite alérgica (também conhecida como febre do feno) e a asma, que podem ocorrer juntas ou separadas.

Os sintomas da rinite se devem a secreções excessivas das glândulas mucosas no nariz, congestionamento de grandes veias da cavidade nasal, causando obstrução ao fluxo aéreo nasal e irritação dos nervos sensoriais no nariz, garganta e olhos por inflamação. Assim, essa alergia nasal gera corrimentos e/ou congestionamentos nasais e espirros, tosse, aperto no peito, chiado, falta de ar, coceira, inflamação de ambos os olhos, erupções e pápulas cutâneas, seios paranasais congestionados, dor de cabeça, sono perturbado e falta de concentração. Esses sintomas são piores no início da manhã.

Os sintomas da asma são causados por secreções excessivas nos brônquios, espasmo do músculo liso na parede brônquica e inchaço inflamatório da mucosa brônquica. Estas alterações causam obstrução ao fluxo de ar para dentro e para fora dos pulmões. O aumento da obstrução durante a expiração leva à falta de ar, chiado e aprisionamento de ar no peito. A tosse é causada por secreções aumentadas e inflamação das vias aéreas.

 

 

Corpo Médico

Dr. Alonso Alves Filho
Dr. Mario Pinheiro Esposito
Acesso Restrito
Sitevip Internet